3 tipos de etiquetas e sua importância no mercado

3 tipos de etiquetas e sua importância no mercado

Para que um produto tenha sucesso no mercado, é necessário que todos os detalhes sejam bem definidos. Isso inclui desde cores, exposição e até mesmo, etiquetas. Por conta disso, hoje vamos falar sobre como as etiquetas são importantes para a construção e a venda dos produtos.

O primeiro ponto fundamental é que as etiquetas (que podem ser etiquetas personalizadas ou regulares, dependendo do produto) são a forma de mostrar a seriedade de um item. Olhando de longe, parece que elas não têm tanta importância.

Mas, pense bem: quando você está em uma loja ou um mercado, você escolhe o produto que tem a etiqueta correta ou aquele que a etiqueta está detonada? Qual dos itens te passa mais seriedade?

Sendo assim, o produto que tem uma etiqueta corretamente planejada tem muito mais chance de sair da prateleira e entrar na sacola de compras de um cliente.

As etiquetas precisam ser tanto um item que oferece informações essenciais como um item que chama atenção do comprador. Alguns outros pontos importantes das etiquetas são:

  • Expressam a identidade da marca;
  • Aumentam o conhecimento da marca;
  • Permitem a diferenciação com concorrentes;
  • Aparentam zelo pelo produto;
  • Melhoram a percepção e a experiência dos clientes;

Existem diversos tipos diferentes de etiquetas. Vamos conhecer alguns e saber quais são suas características.

1. Etiquetas para imprimir

As etiquetas para código de barras são algumas das principais etiquetas de um produto. Primeiro porque o código de barra, em si, apresenta muitas vantagens e é fundamental para todos os tipos de itens no mercado.

Sua função é identificar os diversos produtos. Assim, é necessário, principalmente, em lojas e mercados que atuam com muitos itens diferentes.

Sendo assim, o código de barras é extremamente efetivo no controle das entradas e saídas. Isso pode auxiliar, até mesmo, no controle dos gastos. Normalmente, as etiquetas com código de barras são as etiquetas para imprimir em máquinas específicas.

As impressoras desse tipo de etiquetas são práticas e garantem uma qualidade grande no momento da impressão, fazendo com que o código de barras seja claramente detectado.

Além disso, esse tipo de etiqueta acaba sendo padronizada e, assim, repassa uma imagem de seriedade e maior controle da marca.

Por fim, esse tipo de etiqueta garante mais agilidade no momento da venda, o que é benéfico tanto para os clientes quanto para os próprios vendedores.

2. Etiquetas para congelados

As etiquetas para congelados são outro tipo de etiquetas fundamentais no mercado. O comércio de alimentos precisa muito que esse tipo de item seja de qualidade, para que as informações corretas estejam presentes.

Nesse caso, as etiquetas são ainda mais importantes, porque oferecem dados específicos e, inclusive, sobre a saúde de quem opta pela compra.

Muitas vezes, essas etiquetas contém informações sobre ingredientes e, ainda mais importante, sobre a validade do produto. Esse tipo de etiqueta é tão importante que faz parte das Boas Práticas de Fabricação.

Isso porque, caso algo esteja feito de maneira errada, pode culminar em problemas como reclamação, insatisfação e até mesmo questões legais vinda de clientes.

Essas etiquetas devem ter as seguintes informações:

  • Tipo de produto;
  • Data de fabricação;
  • Data de validade;
  • Responsável pelo setor;

3. Etiquetas para roupas

As etiquetas para roupas, também chamadas de tags para roupas, têm a mesma função das outras etiquetas: oferecer informações sobre o produto e sobre a forma de lidar com aquele item.

Muitas pessoas deixam de prestar atenção nesses dados, o que é um erro muito grande. Isso porque ali estão informações importantes como: formas de lavar, tipos de tecidos e fabricação da peça.

Saber a maneira correta de como limpar certos tecidos pode fazer com que a roupa dure muito mais tempo. Isso porque determinadas peças não podem ser batidas na máquina, por exemplo, ou são alteradas com algum tipo de produto.

Em relação ao tipo de tecido, a importância dessa informação se dá pela saúde de quem utilizará a roupa. Muitas pessoas têm alergias específicas. Assim, a etiqueta contém as porcentagens de cada tecido utilizado naquela peça.

Por fim, a forma de fabricação da roupa também pode contar muito para a qualidade e para a duração.

Saber essas informações é uma maneira de estar mais consciente sobre o que estamos comprando e usando. Por conta disso, é fundamental que todas as etiquetas sejam completas e ofereçam os dados com qualidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *